Serviços

Contato

Muitas pessoas costumam acreditar que Retrofit e a Reforma Comercial de imóveis sejam a mesma técnica, porém, não são. A Reforma Comercial soluciona uma necessidade imediata com a finalidade de melhorar edificações que precisam de aprimoramento sem necessariamente preservar as características anteriores do imóvel. Já o Retrofit se trata de modernizar instalações e equipamentos, mantendo suas características conservadas.

O Retrofit é uma intervenção mais profunda do que a Reforma porque engenheiros e arquitetos precisam ter conhecimento técnico e histórico, pois deverão realizar estudos para entender como foram feitas as construções mais antigas e o papel delas na atualidade, além de ser necessário realizar pesquisa social para saber como a transformação do edifício pode impactar a sociedade.

Vamos continuar essa conversa? Vem comigo!

Diferença entre Retrofit e Reforma

Imagine que você contrata um pintor para pintar a área externa do seu comércio. O profissional executará o serviço de acordo com as normas de segurança, fará a lavagem da fachada antes de iniciar a pintura e demais preparações, serviço pronto, seu comércio ganhou vivacidade e cor.

Como realizar o mesmo serviço em uma fachada de um empreendimento tombado, que deve preservar as características da época em que foi construído? Nesse caso se aplica o Retrofit. Como dito na introdução deste blogpost, engenheiros e arquitetos devem estudar a edificação, avaliar o projeto e estruturar todas as etapas de planejamento. Conseguiu notar a diferença e a dimensão dos trabalhos? Com esse exemplo prático é mais fácil distinguir as duas técnicas.

Etapas do Retrofit

Um projeto de Retrovit requer que o profissional elabore diversos estudos, levantamentos e trabalhos, sendo algumas das seguintes etapas:

Diagnóstico e estudo de viabilidade

A primeira etapa é o estudo de viabilidade para saber se as revitalizações são possíveis, ainda que não se trate de modernizar um edifício tombado ou centenário, contudo algumas Reformas de Galpão ou Reformas Comerciais precisam ser analisadas para saber se a técnica será Reforma ou Retrofit.

Levantamento de equipamentos e sistemas existentes

Como o Retrofit tem por princípio preservar a estrutura que já existe, e aproveitar as instalações, quando possível, deve-se verificar quais sistemas e equipamentos estão instalados, se ainda são funcionais, nível de conservação e se podem ser usados. Os subsistemas que serão implementados têm que estar de acordo com os padrões atuais e definidos para empreendimentos de mesmo porte e função.

Checagem de dados

Checar se o imóvel possui cadastro de suas instalações, tais como hidráulica, elétrica, elementos artísticos, caso seja um edifício histórico.

Desenvolvimento de memorial descritivo

Essa etapa é realizado quando o imóvel já foi “retrofitado”. Nesse memorial devem constar as transformações que foram feitas, descrever quais são os sistemas de segurança e incêndio implementados ou integrados aos que já existiam, entre outros.

Retrofit e sustentabilidade

O mundo se preocupa com a saúde do planeta e a preservação dos recursos naturais, menor emissão de gases de efeito estufa etc. Por isso, um projeto de Retrofit é o melhor momento para restaurar o imóvel, prevendo modernização arquitetônica e o uso de tecnologias que causem menos impacto ao meio ambiente. Por exemplo, implementar fontes de energia renováveis e menos poluentes como energia eólica, solar, hidráulica etc.

Instalar sistemas de aproveitamento de água das chuvas para diversas atividades de manutenção do imóvel auxilia na sustentabilidade. Existem diversas técnicas para aplicar o Retrofit em um empreendimento, deixando-o sustentável. Os profissionais envolvidos devem realizar as melhorias pensando no conforto, qualidade de vida das pessoas que utilizarão o imóvel, bem como nas próximas gerações. Um prédio centenário que passa por Retrofit tem mais 100 anos para manter-se de pé, de acordo com as manutenções que forem feitas. Por isso, todas as melhorias possíveis e as técnicas mais atuais devem ser realizadas no tempo presente.

Agora me fala, você notou como o Retrofit e a Reforma diferem? Retrofit é uma técnica para manter um empreendimento saudável e funcional por longo tempo, sendo que futuramente serão realizadas manutenções para manter a revitalização. Já a Reforma Corportativa pode atender uma necessidade urgente para adequar um ambiente ou espaço para uso imediato. Pode ser realizada diversas vezes em períodos curtos.

O que você achou deste conteúdo? Gostou? Deixe seu comentário.

Um grande abraço e até breve.

João Pedro
Diretor de Engenharia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *